Notícias

Por que algumas carnes são comidas cruas e outras não?

Uma das características mais interessantes da culinária japonesa é a utilização de peixes crus na preparação de diversos pratos. Curiosamente, é igualmente interessante observarmos que a mesma coisa não costuma ser feita com a carne bovina, suína e de frango. Dito isto, a pergunta que fica é: por que algumas carnes são comidas cruas e outras não?

Ao longo desse artigo, você vai descobrir que isso tem a ver com o fato de que a carne de certos animais, como peixes, costuma ter menos bactérias, vírus e parasitas que podem infectar humanos.

Quais carnes podem ser consumidas ainda cruas?

Somente peixe, como regra geral. O steak tartare, um prato popular em alguns países europeus, é feito de carne vermelha crua picada e aromatizada com especiarias, mas o fato é que os restaurantes que servem esse prato usam somente carnes da mais alta qualidade de alguns açougues selecionados.

Também é essencial que a carne seja fresca, pois a carne com alguns dias de armazenamento se torna um terreno fértil para o desenvolvimento e a multiplicação de patógenos.

Um bife mal passado também é seguro, pois a maioria dos parasitas não penetra na carne densa. Assim, uma vez que a parte externa esteja cozida, um bife mal passado é perfeitamente adequado para consumo (pelo menos na maioria dos casos).

Quais carnes não podem ser comidas cruas e por quê?

A carne bovina em geral está nesta lista, pois pode ser facilmente contaminada por patógenos problemáticos. Um desses patógenos é a tênia de carne bovina (Taenia Saginata), responsável pela contaminação de aproximadamente 45 milhões de pessoas em todo o mundo a cada ano.

Comer carne de porco crua não é algo que você ouve alguém falar com muita frequência, até porque ela não tem um gosto tão bom quanto a carne de porco cozida. Ainda assim, é preciso ter em mente que a carne de porco crua também pode transmitir doenças.

Porcos que crescem em currais e que não têm acesso a uma dieta onívora normal apresentam um alto risco de contrair patógenos que podem infectar humanos. Isso é especialmente preocupante porque a carne de porco é uma das carnes mais consumidas no mundo. Dito isto, é muito importante cozinhá-la bem para evitar quaisquer contaminações.

A ideia de comer frango cru, por sua vez, já revira o estômago das pessoas, evocando a palavra Salmonella e os violentos problemas intestinais que essa bactéria pode causar.

Os frangos tendem a abrigar uma grande quantidade das bactérias desse tipo, especialmente quando mantidas em gaiolas sem acesso à sua dieta normal.

Uma palavra final

Algumas pessoas acreditam que galinhas saudáveis e devidamente pastadas podem ser comidas cruas, mas há evidências de que até mesmo as galinhas alimentadas com pastagens de alta qualidade não estão completamente livres de patógenos. De fato, um estudo descobriu que galinhas em pasto correm um risco até maior de contrair patógenos.

No fim das contas, tenha em mente que, com exceção dos peixes, todas as outras carnes podem causar problemas de saúde se forem comidas cruas.