Life Style

6 Benefícios comprovados que a meditação pode proporcionar

Temos certeza que você já ouviu falar que meditação é bom para você – todos nós temos. Mas por que a meditação é realmente boa para nós? Por que deveríamos fazer isso? Estamos aqui para te dizer. Meditação significa tirar um tempo do mundo externo e se mover para dentro. Agora, mais do que nunca, quando o mundo exterior está jogando tantos desafios em nós, levar algum tempo para nos conectarmos para encontrar alguma paz é exatamente o que precisamos. Então, aqui estão alguns dos benefícios incríveis que a meditação pode trazer para você.

1. Conhecendo-se

Um equívoco sobre meditação é que significa que você não tem que ter pensamentos. Isso não é verdade, e no início de sua jornada de meditação isso é quase impossível. Na realidade, meditação significa manter-se focado ou concentrado. Quando pensamentos vêm à nossa cabeça, em vez de nos perdermos neles, começamos a tentar perceber o que estamos pensando. Depois de um tempo, talvez vejamos alguns hábitos e padrões emergindo. Quanto mais nos conhecemos, mais podemos nos ajudar a crescer.

2. Controle de estresse maior

Uma das principais razões pelas quais as pessoas meditam é tentar reduzir o estresse. A meditação tem sido comprovada para diminuir o cortisol, o hormônio do estresse primário no corpo. Este hormônio nos coloca no modo “luta ou fuga“, o que torna incrivelmente difícil relaxar, especialmente depois de um longo dia. O ato de meditação se concentra em nossa presença e quietude e lembra nossos cérebros que não estamos em perigo e que se voltarmos ao básico, podemos encontrar uma calma dentro de nós que torna tudo mais suportável.

3. Combate aos Demônios da Saúde Mental

Neste momento, estamos enfrentando uma crise de saúde mental. Com tantas pessoas se sentindo isoladas e sozinhas, mais pessoas do que nunca estão sofrendo de problemas como depressão e ansiedade. Tem havido um corpo crescente de pesquisas mostrando que desenvolver uma prática de meditação ajuda. A meditação ajuda a trazer o foco de volta ao presente e age como uma distração de tudo o resto. Problemas de saúde mental não são brincadeira, e levar algum tempo para você meditar pode ter um grande impacto.

4. Tire um tempo para se concentrar no amor próprio

O amor próprio vem de tantas formas diferentes para cada pessoa. Às vezes está tomando um banho longo, às vezes é dizer não a um evento porque você prefere estar na cama, e às vezes é simplesmente lavar a louça. O que quer que funcione para você, é importante fazer. A meditação pode nos ajudar a criar uma relação amorosa com nós mesmos através de meditações amorosas/gentis, por exemplo, repetindo o mantra; “Que eu seja feliz. Que eu seja saudável. Que eu esteja livre da dor. Pode parecer estranho para alguns, mas não há dúvida de que nosso monólogo interno desempenha um grande papel em nosso humor.

5. Algo novo e diferente

Meditação pode ser divertido! A forma tradicional de meditação de sentar de pernas cruzadas com os olhos fechados não é a única maneira. Alguma meditação envolve cantar ou dançar. Algumas pessoas meditam usando aplicativos que o levam a uma jornada imaginária. Um tipo de meditação é simplesmente andar descalço em alguma grama e perceber como a terra se sente sob seus pés e entre seus dedos. Meditação não precisa ser difícil ou chata, só precisa estar focada no momento presente.

6. Encontrar conexão

Por fim, a meditação ajuda a nos conectar. Em um mundo cheio de objetos materiais, tendências de Hollywood e estilos de vida do Instagram, pode ser difícil se sentir único, especial ou conectado a qualquer coisa. Meditação nos ajuda a nos reconectarmos a nós mesmos, e ao fazer isso nos reconectamos com tudo. Isso nos ajuda a sentir uma parte do mundo ao nosso redor, as pessoas ao nosso redor, e as coisas ao nosso redor. Coloca nossas experiências em perspectiva; somos apenas um humano experimentando muitas das mesmas coisas que muitas pessoas são. Ficamos sentindo um sentimento de gratidão – por mais difíceis que as coisas fiquem, há sempre coisas para agradecer.